Sintomas do Sedentarismo

Prato com um hambúrguer e batatas fritas. O artigo fala sobre sedentarismo.

Os sintomas do sedentarismo são alertas que não devemos ignorar. O sedentarismo é um problema com consequências bastante concretas na vida das pessoas que se encontram neste estado. O organismo humano fez todo o seu processo evolutivo em movimento, a actividade física ditava a sobrevivência e garantia a continuidade da espécie. O sedentarismo é sem dúvida nenhuma estranho ao organismo humano e naturalmente que traz consequências fisiológicas importantes, como as doenças cardiovasculares que são as mais preocupantes, mas também traz problemas ao nível da mobilidade e perda de função que afectam directamente a qualidade de vida dos indivíduos sedentários.

Quem é sedentário?

São todos os indivíduos que não garantem uma actividade física que envolva dois terços da massa muscular de forma regular e constante. Na psicologia do desporto existe uma bitola que considera que se deixa de ser sedentário ao fim seis meses de prática regular.

Sintomas do sedentarismo – Consequências osteoarticulares

Bastam algumas semanas sem exercício físico para se começarem a notar consequências ao nível da mobilidade articular e da flexibilidade. Podem surgir dores nas costas, que são as mais comuns. Pela nossa experiencia na Fiquemforma, em muitos casos, quando as pessoas retomam a actividade referem que as dores na coluna desapareceram, o que é natural, visto que a conjugação do trabalho de reforço muscular, flexibilidade e mobilidade articular harmonizam a postura corporal.

Pessoa sedentária que sobre de obesidade segura na gordura abdominal com as suas mãos.

Sintomas do sedentarismo –Consequências cardiovasculares

Pressão arterial

Um dos sintomas do sedentarismo é o aumento da pressão arterial para níveis de hipertensão, o que significa que a força que o sangue exerce nas artérias será maior e consequentemente o esforço que o coração tem de fazer no débito cardíaco é maior, ou seja, o miocárdio fará um esforço maior para enviar sangue para o organismo, o que afecta directamente também a frequência cardíaca.

Frequência cardíaca

Quando a frequência cardíaca de repouso é elevada, o coração está sempre em sobrecarga o que leva a um desgaste constante do miocárdio e de toda a estrutura circulatória. Existe um indicador que nos mostra a saúde do nosso coração, a velocidade de recuperação cardíaca após o esforço físico. As pessoas que demoram a recuperar do esforço e cujo batimento de repouso é alto estão então na primeira linha das doenças cardiovasculares. De todos os sintomas do sedentarismo, a frequência cardíaca alta, é o sintoma mais fácil de detectar.

Colesterol

O colesterol é outro dos sintomas do sedentarismo extremamente perigoso, uma vez que é através do colesterol que advém a formação de ateromas e por conseguinte a oclusão das artérias em pontos específicos, deixando assim uma bomba relógio a funcionar dentro do aparelho circulatório, visto que quando se dá a quebra do ateroma e libertação de um trombo, dá-se um acidente cardiovascular.
Em suma, a actividade física não deve ser olhada como uma moda, mas sim como algo absolutamente elementar que serve para nos manter vivos e saudáveis.

fiquemforma - simulador

Experimente
o nosso

Fiquemforma - Programas de treino
Treino personalizado

Conheça os programas de treino Fiquemforma

Artigos Semelhantes